domingo, 17 de maio de 2015

Santa Restituta de Teniza, Mártir - 17 de maio

    
     Santa Restituta de Teniza nasceu em Cartago ou em Teniza (hoje conhecida como Ras Djebel, Tunísia) e foi martirizada durante a perseguição de Diocleciano. Não temos dados históricos precisos sobre o local exato e o ano do seu martírio. Ela às vezes é considerada um dos Mártires de Abitina, um grupo de mártires do Norte Africano que inclui Dativo, Saturnino e outros.
    Uma antiga legenda medieval, recontada posteriormente por Pedro Subdiácono no século X, e semelhante às legendas associadas às Santas Devota, Reparata e Torpes de Pisa, afirma que depois de ter sido horrivelmente torturada Restituta foi colocada em um barco em chamas carregado de estopa e resina. Restituta saiu ilesa do fogo e rogou pela ajuda de Deus. Deus enviou um anjo para guiar seu barco para a Ilha de Aenaria (atual Ischia), e ela aportou no local onde atualmente se encontra San Montano.
     Além disso, a legenda afirma que uma mulher cristã do local chamada Lucina tinha sonhado com o anjo e o barco. Quando ela se caminhou para a praia encontrou o corpo resplandecente e incorrupto de Restituta, que agora estava morta. Lucina convocou a população e a santa foi solenemente enterrada no sopé do Monte Vico, em Lacco Ameno, onde uma basílica paleocristã foi dedicada a ela e é agora o local de um santuário onde ela é venerada.
     No entanto, a propagação do seu culto do Norte de África para a Itália é historicamente associada à expulsão dos católicos daquela região por Genserico, rei dos Vândalos, que pertencia à seita ariana. Provavelmente suas relíquias foram trazidas para Nápoles no século V por Gaucioso de Nápoles, quando de seu exilio.
     A Igreja de Santa Restitua foi construída em sua honra em Nápoles no século VI. A igreja foi então incorporada à Catedral de Nápoles construída no mesmo local no século XIII.
     Ela é a padroeira de Lacco Ameno e, além daquela cidade, ela é especialmente venerada na Ilha de Ischia. Em Lacco Ameno ela é festejada durante três dias, do dia 16 ao dia 18 de maio. Uma cripta associada à Santa Restituta pode ser encontrada em Cagliari, no bairro de Stampace.

Nenhum comentário:

Postar um comentário